Saeb 21 de Dezembro de 2018

Microdados do Sistema de Avaliação da Educação Básica de 2017 são divulgados

Os microdados da edição 2017 do Sistema de Avaliação da Educação Básica (Saeb) foram divulgados pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) nesta quarta-feira, 26 de dezembro. Os dados disponibilizados no Portal do Inep são referentes à aplicação da Aneb e Anresc, também conhecida por Prova Brasil. O Saeb 2017, desde sua aplicação, deixou de usar esses nomes que identificavam a avaliação dos estudantes de anos finais do Ensino Fundamental e Médio. A partir de 2019, com a reestruturação e ampliação do Saeb, todas as avaliações do Sistema passarão a ser identificadas pelo nome Saeb acompanhado das etapas de ensino.

O conjunto de informações permite que gestores, pesquisadores, instituições e interessados na área da educação possam realizar diagnósticos, estudos e pesquisas que subsidiem o planejamento e a proposição de ações no âmbito escolar e das redes de ensino. Os dados também possibilitam a formulação e a avaliação de políticas públicas na área educacional, visando contribuir com a melhoria da qualidade, equidade e eficiência da educação básica brasileira.

O pacote dos microdados Saeb 2017, além dos dados em si, apresenta dicionário, arquivo "Leia-me" e documentos técnicos, matrizes de referência, escalas de proficiência, questionários, planilhas de resultados, e os inputs – programas para leitura dos arquivos de dados nos pacotes estatísticos SAS e SPSS.

Funcionalidades – Os microdados de alunos da Aneb e da Prova Brasil de 2017 são apresentados em uma mesma base de dados das edições de 2013 e 2015. A Aneb incorpora, em seu universo, os alunos avaliados pela Prova Brasil, por isso, foi criado uma variável (IN_PROVA_BRASIL), que indica se o aluno participou da Prova Brasil ou não, o que permite extrair as informações da Prova Brasil da base da Aneb, usando apenas um filtro.

Além disso, as bases de dados dos alunos, ao invés de serem disponibilizadas, como nas versões anteriores, com os três anos escolares testados em uma única base, no documento de 2017, são apresentadas de maneira distinta, separadamente: 5º ano (4ª série) do Ensino Fundamental; 9º ano (8ª série) do Ensino Fundamental; e 3ª série do Ensino Médio para resultados por escola e 3ª série do Ensino Médio para resultados para agregações superiores (estados, regiões e Brasil). Com este procedimento, foi possível integrar as seguintes bases de alunos: a de resultados, a de respostas aos testes de Língua Portuguesa (Leitura) e de Matemática e, a de respostas aos questionários.

Os pesos dos alunos utilizados para a expansão, apesar de serem apresentados separadamente para Língua Portuguesa e Matemática, são idênticos. Em 2017 todos os alunos realizaram conjuntamente todos os testes de ambas as disciplinas, e não foi necessário realizar ponderações distintas para cada uma delas. Não receberam peso os estudantes que realizaram os testes em escolas que não atingiram o número mínimo de alunos por ano/série para terem sua aplicação validada, após consistência com os dados consolidados do Censo Escolar da Educação Básica de 2017.

Dados das Escolas – Quanto às bases de resultados de escolas, os microdados da Aneb e da Prova Brasil também são apresentados em uma mesma base, pois as provas e os questionários aplicados são os mesmos. As bases de resultados e de questionários, tal como a dos alunos, também foram disponibilizadas de maneira integrada. Além disso, em virtude da sua relevância para a interpretação pedagógica do desempenho nas avaliações, foi introduzida nos resultados das escolas a distribuição percentual dos alunos pelos níveis das escalas de proficiência de Língua Portuguesa (Leitura) e de Matemática.

Dentro dos Microdados do Saeb 2017 foram disponibilizados dois indicadores: o Indicador de Nível Socioeconômico e o Indicador de Adequação da Formação Docente. Eles são contextuais e informam sobre as condições em que ocorre o trabalho da escola. Outro ponto possível de consulta de informação dentro do arquivo são as bases de dados de Professores e de Diretores com as respostas preenchidas por eles, por meio de questionários. No entanto, elas não estão divididas por ano escolar como as bases de alunos e de escolas.

Acesse os Microdados do Saeb 2017.