Revalida 08 de Dezembro de 2017

Inep orienta sobre interposição de recursos para participantes do Revalida 2016

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) abre na próxima terça-feira, 12, prazo recursal para alguns participantes do Exame Nacional de Revalidação de Diplomas Médicos Expedidos por Instituições de Educação Superior Estrangeira (Revalida) edição 2016 que realizaram a prova de habilidades clínicas em 3 e 4 de dezembro de 2016. Poderão interpor recursos sobre cada item de prova, devidamente fundamentado, somente os participantes vinculados aos mandados de segurança de números 1000386-37.2017.4.01.3400; 1002124­-60.2017.4.01.3400; 1002172-19.2017.4.01.3400; 1001623­-09.2017.4.01.3400;  1003294­67.2017.4.01.3400; 1002106-­39.2017.4.01.3400; e 1001326­-02.2017.4.01.3400.

O período de interposição de recursos, na Página do Participante do Revalida, começa na próxima terça-feira, 12, a partir das 9h, e termina às 18h do dia 13 de dezembro. O Inep não se responsabilizará pelo não recebimento de recursos interpostos devido a quaisquer motivos de ordem técnica dos computadores, falhas de comunicação, congestionamento das linhas de comunicação, procedimento indevido realizado por parte participante. Também será vedada a cópia dos vídeos das estações, por parte dos participantes e de seus representantes, para quaisquer fins, sob pena da lei, considerando a reserva dos direitos de imagem dos envolvidos na execução da prova de habilidades clínicas. Dúvidas podem ser enviadas para o Fale Conosco do Ministério da Educação (MEC).

Revalida – Na segunda fase do Revalida foi realizada a avaliação de habilidades clínicas. Os participantes precisavam executar tarefas específicas, durante um intervalo de tempo determinado, em uma estrutura de dez estações, cada uma valendo dez pontos. Serão considerados aprovados os que obtiverem, no mínimo, 56 de 100 pontos. Para atuar como médico no Brasil, o profissional formado em instituições de educação superior estrangeiras precisa revalidar o diploma. O exame foi criado para simplificar este processo e sua implementação está sob a responsabilidade do Inep.