Inep 80 Anos 19 de Maio de 2017

Inep promove debate sobre contribuição de Anísio Teixeira à educação

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) começa na próxima terça-feira, 23, a série de Encontros Memoráveis que marcam as comemorações de seus 80 anos de fundação. O primeiro desses encontros, O Inep de Anísio Teixeira, reunirá três pesquisadores – Clarice Nunes (UFF), Libânia Xavier (UFRJ) e João Augusto Rocha (UFBA) em um debate em formato de programa de televisão, realizado por meio de uma parceria com a UnBTV. A pauta é a vida e a obra do educador brasileiro Anísio Teixeira, diretor do Inep entre 1952 e 1964.

O debate será realizado no auditório do Inep, às 10h, é aberto ao público e direcionado aos servidores do Inep, universitários, pesquisadores da educação e comunidade acadêmica em geral. Na ocasião, haverá lançamento e sessão de autógrafos do livro Anísio Teixeira e a Cultura (EdUnB e EdUFBA), de João Augusto Rocha.

Debatedores Convidados – A professora Clarice Nunes (UFF) é autora de vários artigos e dos livros Anísio Teixeira: a poesia da ação (2000) e Anísio Teixeira para a Coleção Educadores (2010), biografia do educador. Outra debatedora será a professora Libânia Xavier (UFRJ), estudiosa do Inep e seus centros de Pesquisa Educacional, autora do livro O Brasil como Laboratório: educação e ciências sociais no projeto do Centro Brasileiro de Pesquisa Educacional – CBPE/INEP/MEC (1950-1960). O professor João Augusto Rocha (UFBA), autor de vários artigos e organizador do livro Anísio em Movimento: a vida e as lutas de Anísio Teixeira pela Escola Pública e pela Cultura no Brasil e do recém-editado Anísio Teixeira e a Cultura é outro debatedor.

Projeto Inep 80 Anos – Pensado para recordar a história e promover as oito décadas de atuação do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira, o Projeto Inep 80 anos agrega um conjunto articulado de ações que aproveitam as comemorações para a geração e conservação da memória coletiva do Inep por meio de cinco eixos. As atividades seguem até 30 de julho de 2018 e compreendem eventos comemorativos, publicações, exposições, encontros memoráveis e um canal de participação social.