Inep 12 de Janeiro de 2017

Inep estreia portal mais moderno e acessível

O portal do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) estreia layout e funcionalidades mais modernas nesta sexta-feira, 13, data em que a autarquia federal completa seus 80 anos de fundação.

Para atender o nível de detalhamento dos serviços digitais, o portal moderniza sua estrutura, sua hierarquia de informações e o modo de interagir com seus diversos públicos: estudantes,  professores, gestores educacionais, acadêmicos, pesquisadores, jornalistas e a sociedade como um todo.

Além de navegação facilitada, o novo portal potencializa sua função de repositório, em função do volume de informações produzidas pelo Inep em suas avaliações, censos educacionais e variadas publicações. Além disso, o endereço reúne os principais sistemas usados pelo Inep.

O portal foi desenvolvido pela Sea Tecnologia, em parceria com a Diretoria de Tecnologia e Disseminação de Informações educacionais (DTDIE) e da Assessoria de Comunicação Social do Inep.

Foco no Público - Os conteúdos são disponibilizados com foco no público principal. Aliado a uma linguagem multimídia de fácil entendimento, o portal torna-se acessível a todos. O objetivo é que o interessado consiga, de fato, ter conhecimento e compreensão do assunto procurado de forma ágil e mais intuitiva.

Experiência Digital Comum  - A fim de facilitar a identificação do público com as propriedades digitais do Inep, a Identidade Padrão de Comunicação Digital do portal foi desenvolvida de modo a equilibrar os padrões estabelecidos e as peculiaridades de cada serviço. Sempre com o foco no público, a padronização foi intencional para que o cidadão tenha maior facilidade para conseguir informações.

Acessibilidade - Segundo o Decreto no 5.296, de 2004, que torna obrigatória a implementação dos critérios de acessibilidade, a usabilidade do portal do Inep busca garantir o acesso a todos, independentemente da forma ou dispositivo de conexão, assegurando a acessibilidade digital e o acesso universal.

Assessoria de Comunicação Social