Encceja 23 de Agosto de 2019

Exame do ensino fundamental e médio acontece em 611 municípios, neste domingo

As provas do Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja) começam às 9 horas deste domingo (horário de Brasília). Durante todo o dia, o exame será aplicado em 611 municípios brasileiros. Os portões serão fechados às 8h45, mas quem faltar às provas da manhã, pode prestar o exame à tarde; neste turno, os portões se fecharão às 15h15. É importante lembrar que a aplicação da tarde tem disciplinas diferentes das aplicadas pela manhã. No ano com recorde de inscrições, 2.973.375 pessoas tentam uma certificação para o ensino fundamental ou médio. A maior parte, 2.331.799, inscreveu-se para fazer as provas do ensino médio, e os outros 641.576 para o ensino fundamental.

Horários - As provas serão aplicadas no turno da manhã, das 9h às 13h, e, no turno da tarde, das 15h30 às 20h30. Os participantes com atendimento especializado terão 60 minutos a mais para terminar o exame em cada turno. Os portões são abertos com uma hora de antecedência, e fechados 15 minutos antes do início da aplicação. Em cada nível de ensino, são quatro provas objetivas, cada uma com 30 questões de múltipla escolha e uma redação. Pela manhã, serão aplicadas as provas de ciências naturais e matemática, para o ensino fundamental; e ciências da natureza e suas tecnologias e matemática e suas tecnologias, para o ensino médio. À tarde, os participantes farão provas de língua portuguesa, língua estrangeira moderna, artes, educação física, história e geografia, e redação para o Ensino Fundamental; e linguagens, códigos e suas tecnologias, redação e ciências humanas e suas tecnologias, para o ensino médio.

Para entrar nos locais de provas, o participante deve levar documento original oficial com foto de acordo com os permitidos pelo edital. Cópias, mesmo autenticadas, não serão aceitas. Documentos eletrônicos não valem para o Encceja, como prevê o edital. Quem teve o documento perdido, roubado ou furtado, deve apresentar o Boletim de Ocorrência, expedido por órgão policial há, no máximo, 90 dias anteriores ao dia do exame. O Inep recomenda que o participante consulte o Cartão de Confirmação da Inscrição com antecedência no sistema Encceja na internet, e leve o cartão impresso para o exame para facilitar a identificação e localização para fazer a prova, mas não é obrigatório. Para fazer as provas, as pessoas inscritas devem levar caneta esferográfica com tinta preta, fabricada em material transparente.

Caderno de provas - A novidade para todos os participantes desta edição é que o caderno de provas terá um espaço para anotar as respostas. Essa folha poderá ser destacada e levada com o participante. Com isso, as pessoas que prestam o exame poderão conferir o gabarito mais tarde. Os lanches levados para a sala de provas serão revistados pelos aplicadores.

Encceja - Criado em 2002 para aferir competências, habilidades e saberes de jovens e adultos que não concluíram o ensino fundamental ou o ensino médio na idade adequada, o Encceja é aplicado pelo Inep, mas a emissão dos documentos certificadores (certificado e declaração de proficiência) é responsabilidade das secretarias estaduais de educação e dos institutos federais de educação, ciência e tecnologia, que firmaram Termo de Adesão ao Encceja. Para tentar a certificação de conclusão do ensino fundamental, é necessário ter 15 anos completos até a data de aplicação do exame e, para o ensino médio, 18 anos.

Leia o edital do Encceja 2019

Acesse o Sistema Encceja

Saiba mais sobre o Encceja