Encceja 01 de Junho de 2015

Exame de certificação atende brasileiros ausentes do país

Aproximadamente 1,7 mil brasileiros que vivem fora do país participaram nesse fim de semana do Exame Nacional de Certificação de Competências (Encceja 2015). O Japão teve o maio número de inscritos, 870, seguido de Portugal, 243, Estados Unidos, 119, Espanha, 110, Inglaterra, 98, Bélgica, 94, Suíça, 91, e Guiana Francesa, 29. O exame, realizado pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), é destinado a brasileiros residentes no exterior que não puderam concluir os estudos na idade apropriada.

Os resultados do Encceja no exterior permitem ao candidato obter a certificação de conclusão dos ensinos fundamental e médio. Para concorrer ao certificado de conclusão do ensino fundamental é preciso ter no mínimo 15 anos completos na data de realização das provas. Quem pretende obter o certificado do ensino médio deve ter a idade mínima de 18 anos completos na data de realização das provas do Encceja.

Os gabaritos das questões objetivas serão divulgados na página do Inep na internet até o décimo dia útil seguinte ao dia de realização do exame.

Áreas – Foram aplicadas quatro provas objetivas, com 30 questões, em cada área de conhecimento. Para o nível de ensino fundamental, houve provas de linguagens, códigos e suas tecnologias (língua portuguesa, língua estrangeira moderna, artes, educação física e redação); matemática, história e geografia, e ciências naturais.

Para o nível de ensino médio, as provas foram de linguagens, códigos e suas tecnologias e redação; matemática e suas tecnologias; ciências humanas e suas tecnologias, e ciências da natureza e suas tecnologias.

Assessoria de Comunicação Social