Ações internacionais 28 de Agosto de 2014

Mais de 5 mil inscrições para o exame são homologadas

O exame para obtenção do Certificado de Proficiência em Língua Portuguesa para Estrangeiros (Celpe-Bras) teve 5.117 inscrições homologadas por meio do sistema eletrônico do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). O total de inscritos foi fechado na segunda-feira, 25, após período de retificação.

As provas serão realizadas de 21 a 23 de outubro, em 22 postos aplicadores credenciados no Brasil e em 58 no exterior — América do Sul, do Norte e Central, África, Ásia e Europa. O exame pode ser feito por estrangeiros e brasileiros, residentes no Brasil e no exterior, cuja língua materna não seja o português. O candidato precisa comprovar idade mínima de 16 anos completos na data do exame. A escolaridade mínima deve ser equivalente ao ensino fundamental brasileiro completo.

As provas terão avaliações orais e escritas. Na parte escrita, o candidato terá duas tarefas que integram compreensão oral e produção escrita (uma em vídeo e outra em áudio) e duas que integram leitura e mais uma produção escrita. A avaliação oral compreende atividade de interação face a face, com duração de 20 minutos — o candidato terá de conversar sobre tópicos do cotidiano e de interesse geral, por exemplo.

Reconhecimento — O Celpe-Bras é o único documento brasileiro de proficiência em português como língua estrangeira reconhecido e aceito oficialmente por empresas e instituições de ensino. De acordo com a pontuação obtida no exame, o participante será classificado em quatro níveis de proficiência. Aqueles que obtiverem pontuação entre 2 e 2,75 serão classificados no intermediário. Entre 2,76 e 3,5, no intermediário superior. Entre 3,51 e 4,25, no avançado. Entre 4,26 e 5, no avançado superior. Quem obtiver menos de 2 pontos não conseguirá a certificação.

Os resultados do exame serão divulgados em dezembro próximo.

Assessoria de Comunicação Social do Inep