Censo da educação superior 25 de Setembro de 2013

Maioria dos professores na rede pública tem doutorado

Dados do Censo da Educação Superior de 2012, divulgados pelo Instituo Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), apontam que 51,4% dos docentes em exercício na rede pública de educação superior têm doutorado. Outros 29,6% cursaram mestrado e 19% têm pelo menos uma especialização.

Na rede particular, a maioria dos professores (45,5%) fez cursos de mestrado. Os profissionais com doutorado somam 36,7%. Outros 17,8% têm pelo menos uma especialização.

O Censo registrou 362.732 funções docentes em exercício na educação superior do país. Desse total, 90.416 estão na rede pública federal, 48.172 nas estaduais, 11.750 nas municipais e 212.394 na particular.

O presidente do Inep, Luiz Cláudio Costa, ressalta a importância da qualificação docente para uma educação de qualidade. "Constatamos que a maioria dos docentes em exercício na rede pública são doutores, o que é muito bom para o Brasil", afirma

Regime — Na rede federal, 91% dos professores trabalham em regime de tempo integral. Outros 8%, no parcial e 1% como horistas — recebem por hora de aula ministrada. Na rede estadual, 72,2% atuam em tempo integral; 19,1% em tempo parcial e 8,7% como horistas. Os dados das redes municipais indicam que 28,7% estão em regime integral; 26,3% em parcial e 45% como horistas.

Na rede particular os professores com dedicação integral representam 24,2%; em parcial, 34,1%; horistas 41,7%.

As sinopses estatísticas, os microdados e o resumo técnico do Censo da Educação Superior de 2012 serão publicados em outubro, na página Inep na internet. 

Assessoria de Comunicação Social do Inep