Revalida 14 de Outubro de 2011

Médicos formados no exterior farão prova prática para revalidação de diploma neste final de semana

Um total de 86 médicos formados no exterior farão prova de habilidades clínicas em Brasília neste final de semana. Trata-se da segunda etapa do Revalida, o Exame Nacional de Revalidação de Diplomas Médicos expedidos por Instituição de Educação Superior Estrangeira. Dos 96 habilitados na prova escrita, 86 confirmaram a participação na prova prática.

O objetivo do Revalida é verificar a aquisição de conhecimentos, habilidades e competências requeridas para o exercício profissional adequado aos princípios e necessidades do Sistema Único de Saúde (SUS), em nível equivalente ao exigido dos médicos formados no Brasil, a partir da Matriz de Correspondência Curricular elaborada pela Subcomissão Temática de Revalidação de Diplomas (Portaria Interministerial MEC/MS nº 278, de 17/03/2011).

O Exame, criado em parceria entre Ministério da Saúde e Ministério da Educação contou, neste ano de 2011, com a adesão de 37 instituições de ensino superior parceiras.

Inscreveram-se ao Exame 677 médicos e 536 participaram da primeira etapa, que foi aplicada no dia 11 de setembro em seis locais, distribuídos em todas as regiões do país: Universidade Federal do Amazonas – UFAM, Universidade Federal do Ceará – UFCE, Universidade Federal do Rio de Janeiro – UFRJ, Universidade Brasília – UNB, Universidade Federal do Mato Grosso do Sul – UFMS e Universidade Federal do Rio Grande do Sul – UFRGS. Ao todo, 96 participantes alcançaram o mínimo de 92 pontos na prova escrita (objetiva e discursiva), tendo se habilitado para a prova prática.

Assessoria de Imprensa do Inep