Laboratório 17 de Julho de 2008

Inep treina avaliadores para visitar os municípios selecionados ao Prêmio Inovação

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), por meio da Diretoria de Estudos Educacionais (DIRED), realizou nesta semana a capacitação do grupo de especialistas que fará a avaliação in loco das 35 experiências que concorrem ao Prêmio Inovação em Gestão Educacional 2008.

As avaliações in loco correspondem à 3ª Etapa do Prêmio e serão realizadas no período de 4 a 19 de agosto, por 18 especialistas selecionados e contratados pelo Inep. O objetivo das visitas é coletar dados, por meio de visitação às escolas e entrevistas com membros da comunidade escolar e gestores educacionais. A partir destes dados, os avaliadores produzirão o relatório de cada experiência.

Os relatórios das avaliações in loco serão entregues à Comissão Julgadora, composta por especialistas de notório conhecimento na área da educação, e avaliados em novembro. A partir destes relatórios, a Comissão Julgadora definirá os dez municípios premiados e divulgará o resultado na segunda semana de dezembro. A cerimônia de premiação dos vencedores ocorrerá no dia 17 de dezembro. As informações obtidas pelos avaliadores também servirão para auxiliar os gestores do Ministério da Educação na formulação de novas políticas públicas.

Os municípios que receberão a visita dos avaliadores são os seguintes: Água Boa (MT), Amargosa (BA), Castanhal (PA), Corumbá (MS), Dourados (MS), Passo Fundo (RS), Santa Maria de Jetibá (ES), São Sebastião do Paraíso (MG), Farroupilha (RS), Goiânia (GO), Igrejinha (RS), Ipatinga (MG), Itupiranga (PA), Novo Hamburgo (RS), Pompéia (SP), Sobral (CE), Triunfo (RS), Bauru (SP), Cachoeirinha (RS), Governador Valadares (MG), Ilhabela (SP), Ituiutaba (MG), Santarém (PA), Santo André (SP), Santos (SP), São Pedro dos Crentes (MA), Belém (PA), Belo Horizonte (MG), Campo Grande (MS), Congonhas (MG), Cordeirópolis (SP), Itaiçaba (CE), Itanhaém (SP), Mandagaçu (PR) e Petrolina (PE).

Premiação - O Prêmio Inovação está na sua segunda edição e concederá 100 mil reais aos dez municípios com experimentos que alcançaram resultados significativos para a qualidade da educação a partir de mudanças na gestão de suas redes de ensino. A verba deverá ser investida no desenvolvimento, ampliação e avaliação das experiências premiadas. É concedido a cada dois anos e tem como objetivo incentivar os municípios a tornarem públicas suas experiências inovadoras em Gestão Educacional que contribuam para o alcance das metas do PNE (Plano Nacional de Educação) e do Compromisso Todos pela Educação.

Além dos experimentos premiados, todas as iniciativas aprovadas já pertencem ao Banco de Experiências do Laboratório de Experiências Inovadoras em Gestão Educacional, para serem divulgadas a fim de contribuir com os dirigentes educacionais na elaboração de políticas de gerenciamento de seus sistemas e elevar a qualidade da Educação Básica. O Banco já conta com 187 experiências cadastradas que podem ser acessadas pela página do Laboratório.

Assessoria de Imprensa do Inep