Encceja 03 de Agosto de 2018

Mais de 1,6 milhão de pessoas devem fazer o Encceja 2018 neste domingo

As provas do Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja) 2018 serão aplicadas neste domingo, 5 de agosto, em 592 municípios brasileiros, contemplando todas as Unidades da Federação. Ao todo, 1.695.607 pessoas se inscreveram, alcançando o recorde de inscrições do Exame que em 2017 voltou a certificar o Ensino Médio. Do total de inscritos, 356.326 farão as provas para tentar conquistar o certificado do Ensino Fundamental. A maioria, 1.339.281, está em busca do certificado do Ensino Médio.

As provas serão aplicadas no turno da manhã, das 9h às 13h; e no turno da tarde, das 15h30 às 20h30. Os portões são abertos com uma hora de antecedência, e fechados 15 minutos antes do início da aplicação. As provas do Encceja obedecem aos requisitos básicos estabelecidos pela legislação em vigor para o Ensino Fundamental e Ensino Médio e são estruturadas a partir da Matriz de Competências e Habilidades. Em cada nível de ensino são quatro provas objetivas, com 30 questões de múltipla escolha em cada uma, e uma redação.

Pela manhã serão aplicadas as provas de Ciências Naturais e Matemática, para o Ensino Fundamental; e Ciências da Natureza e suas Tecnologias e Matemática e suas Tecnologias, para o Ensino Médio. À tarde os participantes farão provas de Língua Portuguesa, Língua Estrangeira Moderna, Artes, Educação Física, História e Geografia, para o Ensino Fundamental; e Linguagens, Códigos e suas Tecnologias, Redação e Ciências Humanas e suas Tecnologias, para o Ensino Médio.

O Encceja é destinado a jovens e adultos que não tiveram a oportunidade de concluir seus estudos na idade apropriada para cada nível de ensino. Para tentar a Certificação de Conclusão do Ensino Fundamental é necessário ter 15 anos completos até a data de aplicação do Exame e para o Ensino Médio, 18 anos.

O Encceja é um Exame gratuito, integralmente custeado pelo Governo Federal. O participante que não comparecer à aplicação das provas nas áreas de conhecimento para as quais se inscreveu, e não justificar sua ausência com documentos válidos, deverá ressarcir ao Inep o custo gasto com ele no Encceja Nacional 2018, acrescido da correção do IPCA 2018, caso queira se inscrever para o Encceja Nacional 2019. A justificativa de ausência deverá ser feita no Sistema de Inscrição do Encceja 2019. A medida, novidade da edição, visa combater o desperdício do dinheiro público. Em 2017, a abstenção no Encceja foi de 56,9%, pela manhã, e de 59,7%, pela tarde.